Ana Cañas

Fique por dentro

Ao contrário do que acontece com muitos artistas, Ana Cañas só se deu conta de seu talento para a música depois dos 20 anos de idade. O contato com a música surgiu em decorrência da paixão pelo teatro – Ana cursou Artes Cênicas na USP. Ao ouvir pela primeira vez a interpretação de Ella Fitzgerald se apaixonou e resolveu se aventurar cantando jazz nos bares de São Paulo. Em 2007 lançou seu primeiro CD, Amor e Caos, que apresentava suas composições. Dois anos depois lançou o trabalho “Hein?”. Pela Som Livre lançou seu terceiro álbum, Volta. Em 2014 lançou o quarto CD e primeiro DVD, "Coração Inevitável" .Com o show dirigido por Ney Matogrosso, o álbum traz músicas que já são sucesso, composições inéditas e regravações de músicos consagrados. O novo álbum de Ana Cañas, "Tô Na Vida" (2015), reforça o interesse da cantora em explorar um novo lado musical. Com muito mais rock, o trabalho evidencia a capacidade de Ana Cañas em inovar - sem perder qualidade. O disco conta com a colaboração de Arnaldo Antunes e Lúcio Maia (Nação Zumbi). Os dois compuseram junto com Ana as faixas “To Na Vida” e “Madrugada Quer Você”, Lúcio também assina a co-produção do lançamento ao lado da própria artista. Além disso, o trabalho ressalta a face compositora da artista, que assina a autoria das 14 músicas do disco. “Tô Na Vida” pode ser uma grande e boa surpresa para os ouvintes de Ana Cañas.

GoDaddy
Innersite Tatix